Commit 8aea165c authored by Gabriel Fernandes's avatar Gabriel Fernandes
Browse files

Atualização da Ata do NDE sobre aproveitamento de disciplinas 2018 S1.

parent ec738709
......@@ -93,11 +93,14 @@ Os membros ausentes do NDE foram representados pelo Docente André Luiz Brazil e
%Introdução (Qual o motivo ou razão da reunião? é feio reunião sem motivo...)
A presente reunião serviu para a avaliação de três(3) pedidos de aproveitamento de disciplinas entregues a Coordenação do CST em Jogos Digitais pela Secretaria de Ensino da Graduação (SEG) em 13/04/2018. Para análise foram consultados os requisitos no próprio requiremento e o "Capítulo V (5) - Do Aproveitamento de Estudos" do "Regulamento de Ensino de Gradução (REG) do IFRJ de 2014". Seguem os resultados e observações dos pedidos de aproveitamento:
%Assuntos tratados (A discussão e/ou decisões das partes envolvidas)
Rodrigo Peixoto: o pedido de aproveitamento foi indeferido pois não cumpre com o Artigo 41 do REG, em que o aproveitamento deve ser feito a partir de componentes curriculares em curso de graduação. Em consequência o pedido cai também em exigência com o Artigo 48 do REG.
Rodrigo Mendes Peixoto (Matrícula 32161112): o pedido de aproveitamento foi indeferido pois não cumpre com o Artigo 41 do REG, em que o aproveitamento deve ser feito a partir de componentes curriculares em curso de graduação. Em consequência o pedido cai também em exigência com o Artigo 48 do REG.
%
Renata: o pedido de aproveitamento foi indeferidos por não atenderem ao Artigo 47 do REG em que é necessário que esteja anexado o Histórico Escolar Original e Programas de Disciplinas devidamente certificados pela Instituição de Origem. Nesse caso o histórico fornecido e ementas não puderam ser identificados/autenticados como Originais.
Renata Gonçalves Santos (Matrícula 20172011096): o pedido de aproveitamento foi indeferidos por não atenderem ao Artigo 47 do REG em que é necessário que esteja anexado o Histórico Escolar Original e Programas de Disciplinas devidamente certificados pela Instituição de Origem. Nesse caso o histórico fornecido e ementas não puderam ser identificados/autenticados como Originais.
%
Ruan: o pedido de aproveitamento foi indeferido devido aos componentes curriculares terem sido cursados em instituição estrangeira e não vir acompanhados da validação da instituição de origem no Brasil. Também foi levantado que toda a documentação fornecida está em linguá estrangeira e deveria, antes de ser aberto o pedido, estar traduzida de forma oficial para portugês.
Ruan Duarte Ramalho (Matrícula 32151105): o pedido de aproveitamento foi indeferido devido aos componentes curriculares terem sido cursados em instituição estrangeira, assim necessitando de virem acompanhados da validação da instituição de estrangeira no Brasil. A validação é citada no Artigo 41 do REG. Apesar de não ser tratado no REG, foi levantado que toda a documentação fornecida está em linguá estrangeira e deveria, antes de ser aberto o pedido, estar traduzida de forma oficial para português, já que fará parte de um processo protocalado no Brasil. Nesse caso pode-se fazer referência ao Artigo 192 do Código de Processo Civil (CPC):
{\textit{
CPC Art. 192 - Em todos os atos e termos do processo é obrigatório o uso da língua portuguesa. Parágrafo único. O documento redigido em língua estrangeira somente poderá ser juntado aos autos quando acompanhado de versão para a língua portuguesa tramitada por via diplomática ou pela autoridade central, ou firmada por tradutor juramentado.
}}
%Espaço intencional
%Outros temas??? (Algo a mais foi dito ou combinado... de repente uma próxima reunião...)
%Encerramento
......
Markdown is supported
0% or .
You are about to add 0 people to the discussion. Proceed with caution.
Finish editing this message first!
Please register or to comment